VARIEDADES YOUTUBE

Loading...

terça-feira, 28 de dezembro de 2010

CHEGANDO A 50 MILHÕES DE ACESSOS.

ACREDITE. VOCÊ TAMBÉM É CAPAZ! E vale o registro: No Brasil a casa do Reggae se chama São Luís do Maranhão.

sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

SHOW - NATAL COM MÚSICA

Christmas Jingle Bells (Jose Carreas, Placido Domingo, Luciano Pavarotti)


NOITE FELIZ - ELIANA E CORAL



RHEMA - INCRÍVEL, AOS 7 ANOS...




OLÊ, OLÊ, OLÊ, OLÁ




CORAL ACIRS - ENTÃO É NATAL




NOITE FELIZ - ENCENADA/ANIMAÇÃO





JOHN LENNON


CORAL DO BELÉM ALEELUIA DE HANDEL




CELINE JOHN




ROUPA NOVA - NATAL TODO DIA (DESCONSIDERAR O ANO... RS)




"NOITE FELIZ" ORIGINAL

LEMBREMOS DAS CRIANÇAS

terça-feira, 21 de dezembro de 2010

AINDA É TEMPO...

A GENTE CONSEGUE... PODEMOS, PELO MENOS, TENTAR UM ESTILO DE VIDA VOLTADO À FELICIDADE E À BUSCA DA REALIZAÇÃO PLENA (COM BASTANTE TRABALHO, INCLUSIVE. RS).

MAIS UMA VEZ...

QUANDO A CAUSA É VALIOSA E O QUE MOVE NÃO É UM SENTIMENTO EGOÍSTA,
ACREDITE, VOLTE A ACREDITAR, INSISTA... MAIS UMA VEZ.
VALE A PENA!

EU SÓ QUERO É SER FELIZ!

Certamente você, em algum momento - ou em vários momentos da sua vida, sentiu-se, de repente, invadido por um sentimento inexplicável, que fez soltar um sorriso natural, verdadeiro, único.
Quantos momentos em sua vida já tiveram essa magia contagiante, que provocaram uma vontade incontrolável de olhar e procurar na pessoa ao lado o mesmo riso e o mesmo sentimento.
Você deve ter percebido que isso só ocorre em situações grandiosas e muito especiais da vida como a cena de um filme, o calção do amigo que se perdeu num mergulho, a dentadura do banhista que foi embora com a onda do mar, o bêbado que errou de portão e entrou na casa do vizinho ou alguma enfermeira amiga que joga a prancheta, corre da doida e dá de cara com o portão fechado...
Outras vezes esse sentimento invade pela satisfação de ter cumprido uma meta que parecia impossível, ter alcançado um objetivo que  parece um milagre, ter conseguido um emprego quando todas as portas pareciam fechadas e o mundo parecia estar acabando.


A esse sentimento podemos chamar FELICIDADE e quanto ao seu valor podemos dizer, seguramente, NÃO TEM PREÇO! Como não tem preço o abraço verdadeiro de uma pessoa amiga, num momento de reencontro ou a palavra certa no momento de dificuldade e indecisão.

Felicidade é esse sentimento que, mesmo quando rápido e aparentemente passageiro, faz-se combustível para nossos sonhos, vitamina para nossa esperança e alimento para nossas realizações.

Que este Natal seja um saco cheio de pequenas grandiosidades que façam você rir bastante e sentir, muitas vezes, a FELICIDADE. E que você possa, também, ser a felicidade para as pessoas à sua volta, só tome cuidado para não ser errando a porta e entrando na casa do vizinho ou dando de cara com algum cachorro mau humorado.

FELIZ NATAL!!!

quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

AMPLIAÇÃO ADEQUADA DE JORNADA DO COMÉRCIO BENEFICIARIA A TODOS

Pelo porte da cidade de Caçador, bem que ela já comporta um comércio que não feche as portas ao meio-dia e, para alguns setores, aos finais de semana. Se o horário passar de 8 para 12 horas, inclusive aos finais de semana, praticamente dobraria o horário de abertura do comércio.  Seria uma medida bastante interessante, em vários sentidos.
Ganhariam os consumidores, que teriam mais opção de horários para realizar suas compras.
Ganhariam os comerciantes que teriam aumentadas as suas oportunidades de vendas e ganhos.
Ganharia o poder público, que aumentaria a possibilidade de arrecadação.
Ganhariam, também, os trabalhadores do comércio, com uma jornada de trabalho de 6 horas e mais pessoas empregadas.
Caçador estaria dando um bom exemplo de cidade desenvolvida e comprometida com o desenvolvimento de seu povo, aplicando a redução da jornada de trabalho sem redução salarial - até porque os salários em nossa cidade, comparado a cidades do mesmo porte, já são muito mais reduzidos que os 25% que haveria de redução na jornada.
Com uma jornada ampliada de atendimento, o comércio teria 2 turnos de 6 horas diárias, e geraria um grande número de novos empregos. A indústria poderia também fazer sua parte, atualizando o salário de seus empregados para um nível mais justo, o que aumentaria o volume de dinheiro em circulação.
Por sua vez, os trabalhadores aumentariam suas chances de se programar para retomar os estudos, fazer cursos de aperfeiçoamento  e qualificar-se para elevar ainda mais a qualidade dos serviços prestados.
Olhando por essa ótica e com esta estratégia, haveremos de concordar que aumentar o horário de funcionamento do comércio seria um grande avanço.
Diferente disso, não creio que alguém pudesse propor alguma coisa, visto que a lei que proclamou o fim do trabalho escravo foi promulgada antes ainda da Guerra do Contestado, há 122 anos - e olha que o Brasil foi um dos últimos a fazer tal declaração.

domingo, 12 de dezembro de 2010

ENEM - JULGAMENTO PRECIPITADO, IGNORÂNCIA OU MÁ FÉ?

Quando se trata de ENEM é preciso ter cuidado para separar o que é informação e o que é uso de uma pequena falha para gerar mais confusão ainda. A irresponsabilidade é tanta que "formadores de opinião" publicam julgamentos sumários, mesmo demonstrando-se ignorantes no assunto. 

Vamos exemplificar. Dia 10/12, o colunista Mateus Prado, colunista do "Último Segundo", que se apresenta como "Educador", sentenciou em sua coluna que "Segunda prova do ENEM já deu errado".  O problema é que, logo no primeiro parágrafo fica estampada a declaração de incompetência do analista para avaliar o fato. O "educador" se refere ao MEC como "Ministério da Educação e Cultura".  Ora,  "MEC" é  "Ministério da Educação", desde 1985, há 25 anos, e o analista desconhece tal fato? Que autoridade tem o moço para julgar uma falha desse que é o maior Ministério do Governo Federal? Como "educador", ele deve (ou deveria) ter estudado no seu curso (certamente, feito depois de 1985), pelo menos o nome correto do MEC. 
A Educação, antes de 1985, não tinha um Ministério exclusivo e, desde sua criação, em 14 de novembro de 1930, passou por várias composições e denominações:  "Ministério dos Negócios da Educação e Saúde Publica" (1930-1937), "Ministério da educação e Saúde" (1937-1953), Ministério da Educação e Cultura (1953-1985) e, finalmente, Ministério da Educação(1985 - ...). O Ministério da Saúde foi criado em 1953 e o Ministério da Cultura, em 1985, e MEC manteve-se como uma espécie de "marca" do Ministério da Educação. 

Ou o nosso amigo, Mateus, do Último Segundo, fez um cursinho superior mal feito, ou está na metade do século passado, ou precisa se informar um pouco melhor para ser educador. Para ser analista, vai precisar um pouco mais que isso.

A Educação é questão estratégica para a construção e afirmação do Brasil como Nação soberana e cidadã. Precisa ser tratada com seriedade pela imprensa. Pequenas falhas em grandes ações devem ser corrigidas, mas não podem ser usadas de maneira irresponsável como pretexto para defesa de interesses mesquinhos de quem sempre negou à grande maioria da população brasileira o seu direito a Educação, e continuam tentando manter à força o velho jargão: "à elite a educação para mandar; aos pobres, o treinamento para obedecer".

O fato é que dia 15/12, às 13 h, horário de Brasília, os estudantes que foram ou se sentiram prejudicados pela falha na prova de novembro do ENEM terão seu direito garantido a refazer a prova se assim o desejarem. Serão em torno de 9.500 de um universo que ultrapassa os 3 milhões de estudantes, ou seja, um número muito reduzido em relação ao total. Para consultar os locais onde a prova será reaplicada os estudantes podem acessar o endereço  http://sistemasenem2.inep.gov.br/localdeprova/ utilizando senha e CPF. 
Aos estudantes, boa sorte. Que o país continue avançando no sentido de assegurar a todas as pessoas o seu direito a uma Educação superior pública, gratuita e de qualidade - o que também é uma bandeira, desde antes da criação do 1º Ministério que se ocupou da Educação no Brasil, em 1930.

Conforme comentei neste blog em "Enem - uma análise necessária" (09/11), o MEC, desde o início, esteve certo. Equivocou-se a juíza do Ceará e perderam os analistas da imprensa comercial que apostaram na confusão, sentenciando de modo precipitado e suspeito o fracasso do ENEM. Fica a lição que meu avô já ensinava: Para dar uma opinião ou julgar um fato é preciso ter conhecimento de causa. Do contrário, ficar calado pode ser uma atitude inteligente. 

sábado, 11 de dezembro de 2010

BRANCAS E NEGRAS, IRMÃS? GÊMEAS!!

Na Alemanha, aos 11 de julho de 2008, um casal teve gêmeos com características e cor de peles completamente diferentes. O pai de Leo e Ryan é um alemão da localidade de Potsdam, próximo à Berlim, e a mãe é originária de Gana, na África Ocidental.
Na Inglaterra, o pai Dean Durrant e a mãe Alison Spooner tiveram o privilégio de mostrar por duas vezes seguidas ao mundo o quanto é grande a hipocrisia de quem, ainda hoje, mantém preconceito e discriminação contra a cor da pele de uma pessoa.
Por duas vezes seguidas o casal tem filhas gêmeas, as duas vezes, com características muito distintas da cor da pele, dos cabelos e dos olhos; uma com características tipicamente britânicas e outra com características tipicamente africanas.
Lauren e Hayleigh com Miya e Leah


Enquanto a recém-nascida Miya tem a pele mais escura, como seu pai, sua irmã gêmea Leah tem pele clara, olhos azuis e cabelos ruivos, igual a sua mãe. As gêmeas mais velhas, nascidas em 2001 também apresentavam da mesma forma uma diferença marcante no tom da pele e na cor dos olhos.
“Não é fácil explicar isso. Ainda estou em choque”, disse Durrant à TV Sky News. As crianças são produto de dois óvulos fertilizados separadamente o que não gera os chamados gêmeos idênticos, mas cientistas dizem ser raro um casal ter gêmeos duas vezes, e mais raro ainda que eles sejam tão diferentes.

Dean Durrant, Alison Spooner com as filhas Lauren e Hayleigh, Miya e Leah.
“O nascimento de gêmeos não-idênticos não é muito comum. Gêmeos não-idênticos filhos de casal interracial é ainda mais incomum. Ter dois óvulos fertilizados gerando crianças de cores diferentes é mais raro ainda. Então ver isso acontecer duas vezes deve ser uma possibilidade em milhões”, explicou a doutora Sarah Jarvis, da Britain's Royal College of General Practitioners.
A chance de um nascimento "bi racial" (filhos de pigmentação de pele diferentes) ocorrer uma única vez é de uma em um milhão, quase tão difícil quanto ganhar na mega-sena. Mas, nesse caso é mais raro ainda pois não são filhas de 2 pais de raças diferentes e sim de apenas um pai - e foram duas vezes seguidas. Para isso não há estatística capaz de medir. No máximo se poderia comparar com a chance da mesma pessoa ganhar na mega sena, sozinho, em dois sorteios seguidos. Ou seja, praticamente impossível.
O objetivo, aqui, não é discutir estatística e probabilidade. A finalidade desta breve reflexão é entender esse fenômeno raríssimo como uma prova inquestionável de que, além de criminoso, preconceito contra a cor de pele de uma pessoa, com tantas evidências existentes, manter uma atitude assim é grande demonstração de ignorância.



As pequenas vão à escola pela primeira vez:

FELIZ NATAL, SEMPRE!

ESTÁ SE APROXIMANDO O NATAL DOS CRISTÃOS. 
PARA TOD@S E PARA CADA UM(A), ADIANTO MEUS VOTOS DE UM FINAL DE ANO VENTUROSO, FELIZ E PLENO DE SONHOS PARA O ANO VINDOURO. QUE O BRASIL AVANCE NAS GRANDES CAUSAS E QUE, AO MESMO TEMPO, CADA CIDADE, CADA FAMÍLIA, CADA PESSOA, ENCONTRE CAMINHOS DE PROSPERIDADE, DE REALIZAÇÃO E DE FELICIDADE. 
OBRIGADO POR VOCÊ FAZER PARTE DA MINHA HISTÓRIA. QUE 2011 NOS ENCONTRE ENTUSIASMADOS E COMPROMETIDOS EM FAZER DA VIDA UMA GRANDE VITÓRIA, CONQUISTADA A CADA DIA.


FELIZ NATAL, SEMPRE E PARA TOD@S!!